Ano 2003
Volume 26
- Workshop Baía de Guanabara
Editor: Ismar de Souza Carvalho
Coordenadora: Claudia Gutteres Vilela:


Apresentação

   
ISSN: 0101-9759
                     

 

 

     É com grande prazer que participo da edição do Anuário de 2003 do Instituto de Geociências, que inclui os trabalhos apresentados no Workshop Baía, realizado nos dias 12 e 13 de novembro de 2002, nesta instituição. O sucesso desse evento deve-se em grande parte aos trabalhos, apresentados sob a forma de palestras em mesas redondas ou painéis, por pesquisadores consagrados no Brasil e no exterior. O conteúdo dos trabalhos possui uma abrangência que se estende desde a Geologia até a Biologia, passando pela Oceanografia e Geografia, sempre com o objetivo comum de reunir dados sobre a Baía de Guanabara visando o diagnóstico ambiental.

    O Workshop Baía congregou diversas linhas de pesquisa desenvolvidas na Baía de Guanabara e regiões adjacentes, procurando uma integração das mesmas. Deste modo alguns trabalhos caracterizaram, em um contexto mais geral, a evolução do nível do mar na região sudeste durante o Holoceno, bem como apresentaram a neotectônica da região. Geoquímica orgânica de hidrocarbonetos e de metais pesados, sedimentologia e hidrogeologia integraram-se à distribuição de microorganismos nos sedimentos e na água, analisando diversas respostas a diferentes graus de poluição em regiões distintas. Um zoneamento ambiental ofereceu uma visão dinâmica das condições naturais e sociais do conjunto da Baía de Guanabara.

     A importância do workshop deve-se à busca de uma integração maior dos trabalhos acadêmicos para aplicação à gestão do desenvolvimento sustentável da Baía de Guanabara e seu entorno, que abriga a cidade do Rio de Janeiro e se constitui em uma das regiões com maior índice demográfico do Brasil. Seu impacto pode se avaliado pela presença de representantes de órgãos públicos como a SERLA, a Prefeitura de Niterói e ONGs ligadas a gestão ambiental. Destaco ainda a presença do Reitor da UFRJ, que abriu os trabalhos, o apoio da PETROBRAS e ANP, e a divulgação através do informativo da FAPERJ e da SBPC.

     A apresentação dos artigos que integram este volume seguiu uma seqüência dos assuntos com o objetivo de facilitar a compreensão de cada trabalho nos seus detalhes. Ao final encontram-se os resumos correspondentes aos painéis apresentados. A realização do Workshop Baía e a confecção desta publicação, que reúne seus resultados, são um ponto de partida para outros encontros e novas publicações, sempre com o intuito de sensibilizar os órgãos públicos de gestão ambiental para resultados científicos criteriosos que podem ser aplicados em programas de avaliação da poluição e despoluição da Baía de Guanabara.

Claudia Gutterres Vilela

  

 

 

Av. Jequitibá, 1450 - CCMM - bloco F - Cidade Universitária
Rio de Janeiro - 21949-900 - Brasil - tel: (21) 2598 9405 - fax: (21) 2598 9474 - ismar@geologia.ufrj.br
Apoio: Fundação Universitária José Bonifácio
projeto gráfico